terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Ano Novo - Parte 2

...Começa o novo ano.

As pessoas estão ali frenéticas, dançando e pulando..e eu ali com a certeza de que um novo ano começa.Um novo tempo e talvez uma nova história.
Contemplo o mar, as ondas e por algum sinal eu sinto mudanças.


A noite se segue, musica, risadas. Realmente há muito não me divirto num reveillon como agora.Pra se ter uma idéia, gravamos um video no qual cantávamos o tema de ano novo da rede Globo. Hilário.

Fico eu com minhas reflexões e os planos para o novo ano.Sou tomado por uma grande tranquilidade que me leva ao sono e já são quase 4 da manhã quando meus amigos estão pra lá e pra cá e eu adormeço na minha cadeira.

6 horas.
O primeiro dia do novo ano. Meus amigos agora cambaleantes cochilam e eu saio para uma caminhada. Ali de sunga e camiseta sinto a agua fria da manhã bater em minhas pernas, vou olhando o mar longe. Longe. Sinto uma mão em meus ombros, é um rapaz de branco, alto, bonito um pouco mais velho que eu.


- Olá tudo bem?
- Tudo. (Desconfiado)
- Te vi andando sozinho pela praia e queria saber se posso te fazer companhia?
- Pode. (Respondi estranhando uma hora daquelas alguém fazendo um convite desses)

Fomos caminhando. Conversando.
No final passamos uma manhã super gostosa ali perto da praia. Acabei indo até o apartamento dele e lá ele me fez grandiosas promessas.
Falou em encontrar uma pessoa pra vida. Falou em morar sozinho. Falou em namoro.
Como dizem por aí: "Quando a esmola é grande o santo desconfia".Portanto curti bastante aqueles momentos ao lado dele, mas sem querer sair dali com uma aliança no dedo.


Quinta, 16h:
- Passa o dia comigo?
- Preciso voltar pra Sampa e pelo meu pai.
- Volta amanhã depois do expediente?
- Volto.

Fui pra capital de volta, trabalhei, e quando fui ligar pra avisar que voltaria....quem disse que atendia? Dois dias ligando sem sinal. Essa parte dos dois dias eu vou pular mas vocês devem imaginar as merdas que eu não pensei neste período.

Segunda, 11h:
- Alô?
- É o SAM.
- Oi. Lindo minha amiga levou o celular pra Praia Grande fiquei sem comunicação.

Fiz a Cátia Cega e engoli. Sem maiores questionamentos. Vai ver em 2010 é verdade.
Estou conhecendo. Pelo menos é uma pessoa que me procura e não sou eu que preciso dar o primeiro passo.Mas se eu perceber que não é alguém pra fazer parte da minha vida, ultimamente estou preferindo ficar sozinho. Aguardemos os próximos capitulos. kkk


Tem mais coisa ainda viu gente, o ano tá rendendo.

O Mauri já tem alguns capitulos adiantados da minha novela diaria, no post anterior voces vão conferir as maiores mudanças que me ocorreram em apenas uma semana.
Beijos.

12 comentários:

Vicente Veiga disse...

Curta a vida, bem! Vê no que dá.

MΛUЯΙ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MΛUЯΙ disse...

Novela diária?
Eu não me responsabilizo por nada hein!
Toda e qualquer semelhança é mera coincidência!

kkkkkkkkkk
Brincadeira amigo,
Boa sorte e sucesso na sua nova empreitada.
Grande beijo!

Alan... disse...

Sábia decisão a sua, em não colocar esperanças logo assim, no início, com o primeiro suposto príncipe encantado... Por favor, me ensine como agir assim...

Abs!

SAM disse...

Isso aqui tá uma novela. kkkkk

Vicente Veiga disse...

Fico, realmente, muito feliz em saber que está gostando do meu blog.

Valeu mesmo...

beijos!

Daniel disse...

Sam
Feliz 2009 apronte muito!!!!!!
Beijos de Londres
Daniel
www.sembolso.blogspot.com

Serginho Tavares disse...

e isso tudo porque o ano começou semana passada!

Angelus Gautama disse...

Meme pra você no meu blog. ;-)

Râzi disse...

Bom... de repente ele simplesmente ficou sem celular, mesmo....

Bom, meu lindo, não pode perder as esperanças!!!

Beijão e um ano novo todo bom, com tudo de bom!

^^

FOXX disse...

nossa!
meu deus!
se um kra dissesse isso pra mim na praia a frase ia terminar com "quanto vc está disposto a pagar?"


parabéns!
e boa sorte!

Alberto Pereira Jr. disse...

nossa, começou o ano bem hein?
q seja eterno enquanto dure

;)